fbpx

Carrapatos

Biologia

Carrapatos são ectoparasitas encontrados tanto no campo como na cidade. Vivem em touceiras, capim, no chão, em climas úmidos ou secos. Possuem em torno e 1,5 cm e possuem uma forma oval e plana quando em jejum, porém ao se alimentarem ficam esféricos. Se alimentam de sangue humano ou animal. Sendo um dos principais vetores de doenças para ambos.

O ciclo é composto por ovo, larva, ninfa e adultos. Onde desde a fase de larva à adultos, são fases parasitárias, ou sejam, necessitam de um hospedeiro para se alimentarem e sobreviver. As fêmeas após fecundadas e ingurgitadas (cheias de sangue), se desprendem do hospedeiro caindo na vegetação ou solo. Ele pode se alojar em qualquer região do corpo, mas é mais frequente em membros anteriores e orelhas.

Espécies mais comuns

Carrapato estrela

(Amblyomma sculptum)

Classe: Arachnida; Ordem: Aranae; Família: Ctenidae

É um carrapato que necessariamente se alimenta em três hospedeiros iguais ou diferentes para completar o ciclo de vida. Realizam uma geração por ano, ou seja, levam em torno de um ano para chegar a fase adulta. Aproximadamente 12 dias após a queda do carrapato no solo, começa o período de ovoposição, levado em torno de 10 a 30 dias, dependendo das condições ambientais. A fêmea pode chegar a postar até 7 mil ovos, e a viabilidade depende da temperatura e umidade do ambiente, pois eles são sensíveis a desidratação. A eclosão leva de 30 a 70 dias, variando de acordo com as condições ambientais. E as larvas podem permanecer em jejum por até 5 meses até encontrar um hospedeiro. As ninfas 1 ano e o adulto até 1 ano e meio. É o principal vetor da Febre Maculosa

Carrapato Vermelho

(Rhipicephalus sanguineus)

Classe: Arachnida; Ordem: Aranae; Família: Sicariidae

O conhecido carrapato vermelho do cão, também é uma espécie que se necessariamente se alimenta em três hospedeiros. Seu habitat preferido é o interior das edificações, por serem locais abrigados das tempestades. O período de incubação dos ovos pode variar entre 17 a 27 dias. A fêmea posta de 1 mil a 3 mil ovos, que eclodem em até 3 dias. Sua viabilidade também pode variar de acordo com a temperatura e umidade do ambiente. Esse carrapato é muito comum em cães e as altas infestações podem acarretar desde leves irritações até anemia. Considerado o principal transmissor da Babesiose canina e Erlichiose (conhecida como a “doença do carrapato”).

Controle de Carrapatos

Fale agora com um de nossos Consultores Ambientais e solicite um orçamento!